CONTROLE DE EROSÃO EM ÁREA URBANA

(ANTES) Erosão urbana, adjacente a rodovia, em evolução e carreando sedimentos para os cursos d´água.

(DEPOIS) Erosão recuperada com as técnicas de bioengenharia. Após 10 anos, não houve focos erosivos além de pegar fogo várias vezes.


Erosão urbana, que no passado havia duas bermas e três taludes e o serviço já havia sido executado duas vezes em um período de cinco anos, a primeira vez a proteção vegetal foi feita com hidrossemeadura e a segunda com grama batatais em placa, em ambos os casos houve insucesso, embora nas duas vezes ocorreu o retaludamento e execução da drenagem.

A terceira vez o cliente optou pelas técnicas de bioengenharia por ter menor custo (três
vezes menor que a engenharia tradicional), além de não necessitar de retaludamento e construção de outro sistema de drenagem. Esta técnica evita grande movimentação de terra, e o mais importante, se fosse realizado o retaludamento, maior superfície deste solo estaria exposta as condições intempéricas, o que resultaria na formação de novos focos erosivos.

Registro durante a  execução dos trabalhos